Na correria do dia a dia, reservar o seu tempo para ler conteúdos de forma minuciosa pode ser complicado. É claro que é importante perceber os detalhes, mas alguns textos não precisam de uma atenção total para obter as informações mais relevantes. Para saber como extrair esses dados de forma rápida, eu trouxe dois métodos de leitura: scanning e skimming.

Essas duas técnicas são brilhagem total e você irá perceber como fica ainda mais fácil se manter informado. Continue lendo este artigo e vai na minha que é sucesso!

Conheça os métodos de scanning e skimming

Apesar de ambos serem modalidades de leitura com o objetivo de extrair do texto as informações de forma rápida, elas não são a mesma coisa. A escolha do método ideal precisa ser feita de acordo com o que você pretende com aquela atividade, se está lendo apenas por prazer, se aquele conteúdo é importante para os estudos, entre outras coisas.

Tenha em mente que, apesar da agilidade para ler, essas técnicas são usadas para obter o essencial, de modo que é possível fazer uma boa compreensão e interpretação textual.

Veja só as diferenças entre scanning e skimming e avalie qual deles é mais apropriado para o momento.

Scanning

O método scanning é muito utilizado quando você está buscando algo mais específico no texto, como é o caso de nomes, valores, citações ou mesmo algum outro dado que você já sabe que está lá. É o caso de leituras para encontrar fontes bibliográficas para um trabalho universitário, por exemplo.

Os seus olhos começam a escanear de cima para baixo as palavras à procura de palavras-chave, marcações com números, termos sublinhados, em negrito ou itálico.

Skimming

Esse tipo de leitura é um pouco mais complexo que o anterior, já que ele não tem como objetivo encontrar algo específico, mas sim extrair os pontos principais daquele conteúdo. Portanto, o seu cérebro passa a captar algumas informações e organizá-las de forma que façam sentido e seja possível seguir um raciocínio lógico.

O skimming é muito usado por quem precisa ler muitos textos de uma vez, mas não tem tempo.

Gostou dos métodos de scanning e skimming que eu te ensinei? Então continue lendo o blog Junior Silveira para mais técnicas de estudo!

See you around