Clássicos de Jane Austen Do Cinema e TV | Blog Junior Silveira

Clássicos de Jane Austen que foram para a TV ou cinema

classicos-de-jane-austen-que-foram-para-a-tv-ou-cinema

Jane Austen é uma das autoras mais famosas da literatura inglesa. Suas obras são estudadas até hoje e muitas delas ganharam vida e foram parar na TV e até mesmo cinema.

Às vezes, seus livros foram filmados mantendo a história original, mas outras muitas vezes eles foram adaptados e ficaram com uma nova cara para o público.

Você conhece alguns desses livros?

Orgulho e Preconceito (Pride and Prejudice)

Antes de mais nada, vamos começar com o livro mais aclamado e adaptado de Jane Austen.

Primeiramente, a história gira em torno de Elizabeth Bennet, uma jovem a frente de seu tempo, e Fittzwilliam Darcy, mais conhecido como Mr. Darcy.

Ela é uma jovem simples e sem grandes ambições; ele, um homem rico da alta sociedade. É interessante ver como o relacionamento dos dois se desenvolve e o porquê o livro se chamar Orgulho e Preconceito.

Agora vem a surpresa! Por esse ser considerado o livro mais famoso da autora, ele já virou filme, série, websérie e também uma novela brasileira! Assim como outros filmes mais antigos, temos as versões de 2005 com Keira Knightley (que foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz por esse filme) e Matthew Macfadyen.

Não apenas adaptações para o cinema, mas também séries para a TV, temos a produzida pela BBC com Jennifer Ehle e Colin Firth.

Outros filmes baseados em Pride and Prejudice

Aqui abro um parênteses – o filme O diário de Bridget Jones foi inspirado nesse livro e Colin Firth foi escalado como par romântico por causa da sua atuação como Mr. Darcy nessa série, já que no filme ele faz uma releitura do mesmo personagem que tinha interpretado, tanto que o personagem no filme é chamado de Mark Darcy!

Da mesma forma com o filme com Colin Firth, outro também foi inspirado na mesma obra – de 1998, no filme chamado Mensagem para você (You’ve got mail), temos Meg Ryan e Tom Hanks! Os grandes astros de Hollywood também interpretaram filmes baseados nas obras dessa grande autora.

Por outro lado, temos um filme bem inusitado baseado nessa obra que é Orgulho e Preconceito e Zumbis. Isso mesmo! Zumbis! Aqui Elizabeth (interpretada pela Lily James, que fez Cinderela, Baby Driver, Mamma Mia 2, entre outros) tem que lutar contra zumbis e conta com a ajuda de Mr. Darcy para isso.

Razão e Sensibilidade (Sense and Sensibility)

Semelhantemente ao clássico anterior, temos Razão e Sensibilidade.

Com toda certeza, pensar que Dr. House e Severo Snape estiveram no mundo de Jane Austen é um pouco estranho, contudo isso realmente aconteceu. Neste filme, eles participam como personagens importantes para a narrativa.

Não apenas esses dois atores, mas também temos Hugh Grant, Emma Thompson (que também esteve em Harry Potter) e a Kate Winslet (essa você lembra de Titanic, com certeza!). Ganhou Oscar de Melhor Roteiro Adaptado em 1996.

Emma

A história de uma menina rica que quer suas amigas sejam felizes em seus relacionamentos amorosos, porém a mesma não pensa que a pessoa certa para ela mesma está mais perto do que imagina.

Com toda a certeza você já tenha visto esse filme na Sessão da Tarde, porém com outro nome. Eu lembro que assisti e mal passava na minha cabeça que era baseado numa obra tão antiga. Já assistiu Clueless (ou como conhecemos “As patricinhas de Beverly Hills”)?. Assista e leia o livro para encontrar similaridades neles.

Mais uma surpresa

Antes que eu termine, você acredita que uma das obras citadas acima foi adaptada para novela aqui no Brasil? Isso mesmo! Passada às 18 horas na TV aberta, chamada Orgulho e Paixão, até mesmo os nomes dos personagens principais são muito parecidos com o da obra original – Elisabeta Benedito e Darcy Williamson.

Sem dúvida temos muita coisa que está na nossa vida e envolve a língua inglesa e a gente nem sabe, não é mesmo?

Deixe nos comentários se você conhece algum dos filmes ou livros citados.

Além disso, dá uma olhada neste post para ver outra série bem legal para aprender e praticar o nosso inglês.

© Junior Silveira Idiomas 2020. Todos os direitos